Arquivo da tag: http

Os 3 servidores web mais populares do mundo

Para se hospedar um site, é necessário um servidor web. Abaixo segue uma breve descrição sobre os 3 mais utilizados servidores web no mundo todo:

Apache: é o servidor web mais utilizado no mundo, hospeda na Internet mais de 360 milhões de sites. O Apache suporta uma variedade de recursos, muitos deles implementados como módulos para extender sua funcionalidade, entre eles o mod_access, responsável por delimitar o acesso a diretóriso e arquivos, com authenticação onde necessário e o mod_rewrite, que premite a reescrita de URLs, recurso introduzido no Apache. Alguma das linguagens de programação suportadas são Perl, PyThon, Tcl e PHP. O Apache se tornou tão popular que a maioria dos sistemas open-source o requerem para funcionar, tamanha a facilidade de uso e recursos integrados.

IIS (Internet Information Server): é o servidor web da Microsoft. Apesar de possui apenas 16% do mercado, hospedando pouco mais de 110 milhões de sites no mundo todo, o IIS suporta os protocolos HTTP, HTTPS, FTP, FTPS, SMTP e NNTP. Ele é parte integrante do Windows Server, apesar de não habilitado por padrão em uma instalação padrão do Windows. Entre suas principais características, está a integração com as tecnologias criadas pela Microsoft, tais como o Framework .NET, utilizado em páginas ASP.NET, com suporte a VB.NET, C# e multas outras linguagens.

nginx: apesar de ocupar o terceiro lugar em utilização, o nginx é o servidor web que mais cresce em utilização nos últimos anos. Ele também pode ser utilizado como um proxy reverso para HTTP, SMTP, POP3 e IMAP, e possui um foco em performance e escalabilidade. O nginx é responsável por hospedar mais de 100 milhões de sites no mundo.

 

Os diferentes servidores em um serviço de hospedagem

O serviço de hospedagem de sites geralmente agrega uma série de outros serviços. Para provê-los, diferentes tipos de servidores são necessários:

Servidor POP3: é o servidor utilizado para se fazer o download das mensagens do servidor para um programa cliente, por exemplo, o Outlook Express. O POP3 é o protocolo mais utilizado para se baixar mensagens na Internet.

Servidor IMAP: considerado um substituto ao servidor POP3, ele também permite o acesso às mensagens no servidor, mas é muito mais completo, pois possui estrutura de pastas e permite também o envio de mensagens para o servidor. A diferença principal entre o servidor POP3 e o IMAP é a de que quando o usuário utiliza POP3 ele geralmente remove as mensagens do servidor, limpando a caixa postal no servidor, enquanto que o IMAP por padrão mantém todas as suas mensagens no servidor, utilizando o espaço da caixa postal.

Servidor SMTP: é o servidor utilizado para enviar mensagens. Geralmente quando o usuário configura seu programa de e-mail, ele pode escolher POP3 ou IMAP para visualizar suas mensagens, porém para enviar o protocolo mais utilizado é o SMTP.

Servidor FTP: é o servidor utilizado para enviar arquivos para o servidor, geralmente utilizado para se permitir ao usuário atualizar as páginas do seu site.

Servidor DNS: é o servidor responsável por traduzir os nomes de domínio em números de IP, por exemplo, www.seudominio.com.br em 123.123.123.123.

Servidor Web: é o servidor que armazena as páginas, imagens e demais arquivos do site.

Código de erros de servidores

Algumas vezes os servidores de hospedagem retornam erros ao acessar uma ou mais páginas de um site. Estes erros são conhecidos como erros HTTP. Veja abaixo o que cada um significa.

400 Bad Request – Requisição inválida, significa que o pedido que foi feito pelo navegador para o servidor não foi compreendido pelo servidor ou não possui uma sintaxe correta.
401 Unauthorized – Acesso não autorizado, este erro geralmente ocorre quando se tenta acessar alguma página que necessita de login e senha.
402 Payment Required – Acesso não autorizado, pois há necessidade de se efetuar um pagamento para poder visualizar o conteúdo da página. Este código de erro é raro, em seu lugar geralmente o erro 401 é utilizado.
403 Forbidden – Acesso negado, significa que o servidor não permite que o conteúdo seja acessado. Este erro pode ter ocorrido caso o administrador do servidor ou do site tenha decidido bloquear o acesso a determinado conteúdo.
404 Not Found – Página não encontrada, significa que a página ou arquivo não existe no servidor.
405 Method Not Allowed – Quando se acessa um servidor HTTP, os métodos mais comuns são GET e POST. Este erro indica que o servidor recebeu um método de acesso não autorizado, por exemplo, um POST (que geralmente ocorre apenas em scripts) em um arquivo estático.
406 Not Acceptable – Acesso negado pois a requisição não foi aceita.
407 Proxy – O acesso deve ser feito por intermédio de um servidor proxy e não diretamente ao servidor de destino.
408 Request Timeout – Tempo esgotado, significa que o servidor atingiu o tempo limite aguardando o navegador enviar a solicitação ao servidor. Este erro pode ocorrer com mais frequência em páginas que permitem o upload de arquivos
409 Conflict – Requisição em conflito com parâmetros do servidor
410 Gone – O servidor não retornou conteúdo algum
411 Length Required – A requisição que está sendo feita para o servidor requer a especificação do tamanho em bytes do conteúdo desejado. Este erro pode ocorrer caso um gerenciador de downloads queira obter um fragmento de determinado arquivo de forma indevida.
412 Precondition Failed – Acesso negado devido a uma condição prévia.
413 Request Entity Too Large – Tamanho de requisição maior do que o permitido pelo servidor
414 Request-URI Too Large – Tamanho de endereço (URL) muito grande, maior do que o permitido pelo servidor
415 Unsupported Media Type – Tipo de arquivo que está sendo acessado é incompatível com o servidor
416 Requested Range Not Satisfiable – Faixa de bytes que está sendo solicitada não existe ou não pode ser acessada. Este erro geralmente está relacionado a conteúdo parcial, geralmente solicitado por gerenciadores de download ou sistemas de streaming de áudio/vídeo.
417 Expectation Failed – Condição esperada falhou